quinta-feira, 2 de maio de 2013

Barcelona em verso e prosa... mais prosa do que verso e no fim...

O dia em que o Barcelona acabou...
Como o Santos em 70.
A Ajax em 75.
O River Plate depois de 1958.
O Millionarios quando Di Stefano se foi.
O Torino em Superga.
O Uruguai no Maracanã.
O Botafogo em 1969.
O Vasco da Gama sem Expresso.
O Palmeiras sem o Divino.
A Máquina sem Rivelino.
Cruzeiro sem Tostão.
Galo sem Telê.
Internacional sem Falcão.
Como o Bayern acordando sem Kaiser,
Napoli sem Maradona,
Milan sem os holandeses,
Brasil sem Pelé.
O Barcelona vai acordar amanhã no passado.
Messi e Iniesta a procura de um time.
 

A resposta?

Simples.
Mandem embora Fabregas e Villa.
Contratem um goleiro.
Levem o Neymar.
O futebol agradece...


Blog do Roberto.
 
Barcelona 0 x 3 Bayern de Munique
Postar um comentário