sábado, 8 de fevereiro de 2014

Vladimir Viana de Jesus. Candidato a Treinador revelação do Nordestão 2014

Se ano passado Oliveira Canindé surpreendeu muita gente, nesta temporada o técnico revelação da Copa do Nordeste responde pelo nome de Vladimir Viana de Jesus.

Aos 40 anos, formado em Educação Física, Vladimir está no futebol desde 1993. Sempre quis ser treinador, mas foi como preparador físico que teve as melhores oportunidades. Aprendeu e se arriscou no comando de algumas equipes, como o Uberlândia, Patrocinense-MG, Poços de Caldas-MG, São Benedito e Maranguape.

Há dois anos decidiu ser treinador de vez. E agora, no Guarany de Sobral, faz o seu melhor trabalho. O time cearense é dono de uma grande campanha, em um grupo com Náutico, Sport e Botafogo-PB.

Resolvi bater um papo com o treinador para entender as razões desse sucesso.

Como foi a formação desse elenco?
O elenco foi formado pelo Ocílio Costa, executivo de futebol do Guarany. Alguns jogadores eu conhecia e avalizei, mas a formação foi dele e da diretoria.

Qual o segredo desse Guarany?
O segredo é muito trabalho, união e humildade. Não tem mistério e não é só frase feita. Tem de viver essas três coisas de verdade.

Você prioriza a parte física?
A parte física é fundamental para se conseguir aplicar a tática que eu quero. Minha prioridade é a parte tática e a repetição de jogadas.

Quem é sua maior inspiração?
Trabalhei com muita gente boa. Estou no futebol desde 1993. Trabalhei com Levir Culpi, Luxemburgo, Felipão, Givanildo Oliveira, Hélio dos Anjos, Lula Pereira, Roberto Fernandes, Zé Teodoro e Giba. Com tanta gente assim você aprende o que fazer e cria o discernimento do que não repetir de erro.

O que você acha que essa Copa do Nordeste pode mudar na sua carreira?
Acho não, tenho certeza de que com a cobertura que essa Copa tem muitas pessoas que não conheciam e até duvidavam vão ver que o Vladimir não é uma aposta e sim uma realidade como treinador.

Fonte: br.esporteinterativo.yahoo.com/
Postar um comentário