sábado, 8 de fevereiro de 2014

FELIZ ANIVERSÁRIO ao Itacuruba Sport Club


Um pequeno município situado entre Floresta e Belém de São Francisco chega pela primeira vez à elite do futebol pernambucano. Com 15 anos de atividades, o Itacuruba entrou desconhecido na Segunda Divisão Estadual e saiu como campeão.

A cidade que, segundo dados do Censo 2000, possui apenas 3.669 habitantes, distribuídos em 437 quilômetros quadrados está em festa e já se preparando para receber os grandes clubes do Estado. Em 2000, chegou o primeiro treinador profissional, Valdomiro Bezerra e no ano seguinte, o título da Terceira Divisão Estadual.

A passagem para a Segundona, obrigou o clube a se federar. Para este segundo semestre, não está programada nenhuma atividade para o time principal. Mas um trabalho de base, visando o Estadual 2003, vai começar em agosto, durante o campeonato da liga local, que conta com seis clubes. 

Fundação 02 Agosto 1987
Estádio Municipal Antônio Gaudêncio Freire
Uniforme Vermelho e Preto
Títulos Campeão Estadual da Segunda Divisão 2002 e da Terceira Divisão Estadual 2001

2005 Respeitando os adversários, mas impondo o mesmo futebol apresentado no Estadual do ano passado. É desta forma que o Itacuruba Sport Clube pretende disputar a competição. “Não podemos perder ponto nenhum em casa. Até porque pode fazer diferença na reta final do campeonato”, disse o presidente, Júnior Cantarelli “Conheço bem a forma de jogar do nosso treinador (Peu Santos), e acredito que o time jogará sempre para ganhar. Até porque temos que prevalecer o mando de campo, que é nosso”, finalizou

2004 - O destaque é o atacante Kelson.O atacante tem 25 anos e é a grande revelação do estadual 2004. Outro destaque é o lateral Daniel.

2003 - Desde que se profissionalizou, o clube venceu o Estadual nas divisões de acesso. Em 2001, os sertanejos rubro-negros foram campeões da terceira divisão. No ano passado, a equipe levantou o troféu da Segundona e garantiu vaga na elite do futebol do estado.

Apesar do sucesso, o clube estréia no Pernambucano com os pés no chão e objetivos mais que definidos. "Nossa primeira meta é se manter na primeira divisão.", contou o presidente Júnior Cantarelli, apostando na matéria prima que tem no seu elenco. "Esperamos também poder revelar alguns garotos da região que estão sendo trabalhados no clube", avisou. O atacante Baiano terá a oportunidade de mostrar bem longe do Recife o que não conseguiu no Arruda. Guel (Celinho); Valdo, Edson Limoeiro, Miguel e Aílton; Adilson, Savoca, Marcelo Cavalo e Meinho; Ronaldinho e Dero (Baiano). Técnico: Adelmo Soares.

Quem não lembra das coisas que o Itacuruba aprontou?
Postar um comentário