terça-feira, 30 de julho de 2013

Sobrando, o VITÓRIA é Campeão Pernambucano de Futebol Feminino 2013


Em partida eletrizante o Vitória bateu o Sport por 4×1, no estádio Carneirão, em Vitória de Santo Antão, na tarde deste domingo (29), e levantou a taça de campeão pernambucano pela quarta vez consecutiva, reafirmando a hegemonia tricolor. Carol Baiana, duas vezes, Juliana e Lili Bala marcaram para o Vitória. Duda, ex-Vitória, descontou para o Sport. Este ano a final foi realizada em jogo único.

O tetracampeonato tricolor foi conquistado sem grandes estrelas em campo e com desfalques importantes. Joice e Dani, goleira da Seleção ficaram fora da final.

Dentro de campo o Vitória da goleira Sara e da treinadora Aline Pelegrino foi um time operário e de muita personalidade. Aos dois minutos de jogo, Carol Baiana abriu o placar numa jogada plástica. A atacante recebeu de costas para o gol, matou no peito e virou chutando, acertando o ângulo do gol rubro-negro, ao mesmo tempo que se livrava da marcação. Um golaço que levantou fez o Carneirão tremer.

O Tricolor poderia ter aumentado aos oito mintuos com Carol Baiana num lance identico ao primeiro gol. A atacante recebeu dentro da area e virou chutando, mas a bola passou rente a trave. Depois disso o jogo ficou equilibrado e aos 28 mintuos a atacante Duda chutou da intemediária pegando a goleira Sara adiantada. O gol animou a equipe do Sport e colocou as rubro-negras outra vez no jogo.

Mas aos 33 Juliana que ainda não tinha aparecido na partida recebeu no meio campo e partiu em velocidade, invadiu a área e bateu rasteiro cruzado, acertando o canto esquerdo da goleira Irmã. Ogol incediou o jogo e levantou a torcida tricolor. A decisão do Pernambucano Feminino, neste momento já figurava como a melhor partida já disputada entre Vitória e Sport em finais de estadual.

O Tricolor foi para o vestiário vencendo por 2×1. Na volta Aline Pelegrino sacou a lateral Luciana e mandou a campo mais uma atacante: Lili Bala. Nao demorou muito para o Vitória mostrar outra vez o seu poder ofensivo. Aos 6 minutos Carol Baiana voltou a balançar a rede, chegando ao seu trigésimo sexto gol na competição. Uma média de qutro gols por partida. Ao final a artilheira afirmou que os resultados e a convocação para Seleção Brasileira é consequência desse ritmo de trabalho desenvolvido dia a dia no clube.

Para fechar o placar Lili Bala entrou em ação. A atacante recebeu no meio de campo, partiu em velocidade deixando a zaga do Sport para trás e bateu por cobertura na saída da goleira, fazendo Vitória 4×1 Sport.

A quarta estrela do Vitória vem acompanhada de números expressivos. Defesa menos vazada com apenas quatro gols sofridos, o Vitória teve o ataque mais positivo do Pernambucano com 107 gols marcados. Carol Baiana , Juliana e Lili Bala marcaram 73 gols, sendo 36 de Carol, 26 de Juliana e 11 de Lili Bala.

Em agosto o Vitória representa Pernambuco no primeiro Campeonato Brasileiro promovido pela CBF.


Site Oficial do Vitória das Tabocas
Postar um comentário